Como funciona uma indicação de emprego

Como funciona uma indicação de emprego

Receber uma indicação de emprego pode fazer a diferença na sua trajetória profissional ou no processo seletivo do seu negócio.

Afinal, essa recomendação aumenta as chances do candidato se destacar em um processo seletivo, e ainda ajuda a empresa a agilizar o recrutamento e a integração de um novo funcionário.

Ou seja, tanto o candidato quanto a empresa podem ser beneficiados com essa indicação de emprego. Apesar da sua importância e dos benefícios que essa recomendação pode trazer, muita gente ainda não sabe como funciona uma indicação de emprego.

Por isso, neste artigo, vamos te explicar o que é, como funciona, quais os prós e contras, e até mesmo como aumentar as suas chances de receber uma indicação de emprego

Então, confira as dicas para empresas e candidatos interessados em aproveitar as vantagens de receber uma indicação.

 

O que é indicação de emprego?

A indicação de emprego ou trabalho ocorre quando um funcionário da empresa recomenda um profissional para ocupar uma vaga disponível na organização. Isso não significa que a pessoa recomendada será automaticamente contratada para o cargo.

No entanto, uma indicação pode, sim, fazer a diferença durante um processo seletivo. Afinal, o candidato que tem o famoso “QI” ou Quem Indica, acaba recebendo um selo de confiança por parte de quem indicou, sugerindo que a pessoa tem as competências, experiências e perfil compatíveis com aquilo que a empresa procura.

Por isso, geralmente, profissionais indicados são considerados e se destacam durante os recrutamentos, tendo forte chances de conquistar a tão sonhada vaga de trabalho.

E os candidatos indicados não são os únicos que podem ser beneficiados com essas recomendações. Isso porque as empresas que aceitam indicações de profissionais para o preenchimento de vagas podem agilizar o processo de contratação, e presumir que o profissional indicado está alinhado com a cultura organizacional da empresa.

Além disso, essa iniciativa aumenta as chances da organização encontrar um profissional de confiança, que apresente as características técnicas desejadas e, ao mesmo tempo, se adeque a missão, visão e valores da empresa empresa, por de certa forma ter um sponsor.

 

Como funciona uma indicação de emprego?

Se você está se perguntando como funciona uma indicação de emprego, a resposta é que depende das políticas internas de cada empresa. Embora ainda existam gestores que buscam e aceitam indicações informais oferecidas pelos funcionários ou parceiros de negócio, essa não é a regra.

A verdade é que cada vez mais empresas têm adotado algum sistema formal de indicação de emprego. Isso pode ser feito por meio da criação de um programa de indicação, por exemplo, estratégia na qual a equipe de recrutamento e seleção constrói uma divulgação sólida das vagas em aberto.

Para isso, primeiro, os cargos disponíveis são anunciados nos canais de comunicação internos do negócio. Assim, os colaboradores têm a oportunidade de formalizar a indicação de algum colega ou conhecido que apresenta as características exigidas para o cargo disponível.

Inclusive, em algumas empresas, os colaboradores recebem incentivos financeiros caso a sua indicação seja aprovada e contratada.

Vale lembrar que essas recomendações não retiram da empresa a necessidade de realizar todas as etapas de um processo seletivo. As indicações apenas sinalizam quais candidatos podem ser analisados com mais atenção e têm mais chances de entregar o que a organização procura.

Sendo assim, na maioria dos casos, ao receber a indicação de um profissional, a área de recrutamento e seleção inclui o indivíduo como mais uma pessoa a ser avaliada para a posição.

 

Quais as vantagens de contratar por indicação?

Tanto a empresa quanto o candidato podem ser beneficiados ao receber uma indicação de emprego. Para a empresa, uma recomendação pode acelerar o processo seletivo e facilitar a integração de um novo funcionário ao ambiente de trabalho.

Além disso, ela pode resolver um dos grandes desafios dos recrutadores: encontrar um profissional confiável e qualificado para o cargo. Ou, pelo menos, aumentar as chances de que isso ocorra.

Por outro lado, para o candidato, iniciar um processo seletivo com uma boa indicação pode destacar o seu currículo e o seu perfil durante o recrutamento, ajudando-o a se diferenciar dos concorrentes.

Assim, ele pode receber oportunidades para seguir para as próximas fases da seleção e mostrar que tem capacidade para assumir o cargo disponível. Aliás, essa indicação pode ser um fator decisivo num processo de recolocação profissional ou transição de carreira.

 

E as desvantagens de uma indicação?

Em algumas situações, receber uma indicação de emprego também pode ser desvantajoso para as duas partes, empresa e candidato.

Para a empresa, o problema ocorre quando a equipe de recrutamento confia cegamente na indicação e negligencia a análise do perfil e das competências do candidato ao longo do processo seletivo.

Quando isso ocorre, existe o risco da empresa desperdiçar a oportunidade de encontrar talentos, de contratar alguém que não se encaixa na cultura da empresa ou que não é, de fato, um bom profissional.

Tudo isso pode levar a empresa a gastar com o processo de desligamento de um funcionário inadequado e com o início de um novo processo seletivo, a fim de contratar alguém para substituí-lo.

Para o candidato, as desvantagens da indicação estão relacionadas principalmente ao funcionário que faz essa recomendação.

Se esse funcionário tiver credibilidade e uma boa imagem na empresa, ter seu nome associado a ele pode ajudar o candidato no processo seletivo. Caso contrário, a indicação pode colocar em dúvidas seu profissionalismo e suas competências.

Além disso, as empresas podem criar mais expectativas em relação ao trabalho do funcionário que recebeu uma indicação de emprego. Caso essas expectativas não sejam bem manejadas, esse profissional pode se sentir pressionado, o que pode prejudicar seu rendimento no trabalho.

 

Como receber uma indicação de emprego?

Agora que você já sabe o que é e como funciona uma indicação de emprego, está na hora de entender como receber essa recomendação profissional.

Para isso, selecionamos algumas dicas para empresas e candidatos que desejam receber este tipo de indicação. Confira a seguir:

 

5 Dicas para candidatos receberem indicação de emprego

    • Invista num bom networking. Lembre-se de que boas conexões podem abrir muitas portas;
    • Seja bom naquilo que faz. Faça o seu trabalho da melhor forma possível. Pode ter certeza de que isso vai chamar a atenção das pessoas ao seu redor;
    • Não tenha vergonha de divulgar seus resultados e suas conquistas profissionais, especialmente em redes sociais como o LinkedIn;
    • Invista no seu desenvolvimento profissional para manter seu currículo sempre atualizado e alinhado às tendências do mercado;
    • Mantenha um bom relacionamento com todos, especialmente com ex-colegas e ex-chefes de trabalho. Afinal, eles podem ser responsáveis por suas próximas indicações!

3 Dicas para empresas receberem indicação de candidatos

    • Crie um programa de indicação de funcionários bem estruturado, ou seja, com regras e políticas claras de funcionamento;
    • Considere o funcionário que fez a indicação. Avaliar sua reputação, trajetória e relacionamento com os colegas ajuda a verificar se sua recomendação é confiável;
    • Não pule as etapas do processo seletivo. Mesmo com indicação, os candidatos devem ser submetidos a todas as fases de avaliação. Assim, a empresa se certifica de que ele é realmente a melhor opção para a vaga.

 

Conclusão

Entender como funciona uma indicação de emprego é apenas o primeiro passo para aproveitar as suas vantagens.

Seja você um candidato ou uma empresa, você precisa colocar as dicas deste artigo em prática, manter a constância das suas ações na busca e ter paciência para que esse trabalho gere bons resultados.

Precisa de ajuda nesse processo? Entre em contato com a equipe da Sim Carreira e converse com nosso time de especialistas em recrutamento e carreira!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Política de Cookies
Utilizamos cookies em nosso site para oferecer a você a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas e ajudando a economizar dados. Ao clicar em “Aceitar Cookies”, você concorda com o uso de cookies. Mais informações podem ser encontradas na Política de Privacidade do Site.