Qual fonte utilizar no currículo: como melhorar a formatação

Qual fonte utilizar no currículo

Escolher qual fonte utilizar no currículo é uma das principais dúvidas de quem precisa criar ou melhorar esse documento. Essa pergunta está relacionada a um dos aspectos mais importantes na elaboração do currículo: sua formatação.

A formatação, ou seja, as configurações do documento é uma das primeiras informações avaliadas pelo recrutador.

Se o currículo não tiver características que facilitem a leitura e que chamem a atenção do leitor, provavelmente ele será descartado, mesmo que seu conteúdo seja relevante. Afinal, uma formatação ruim dificulta a leitura e demonstra falta de profissionalismo.

Por esse motivo, definir a fonte, o tamanho da letra, a cor do texto, entre outros elementos, é fundamental para ter o currículo selecionado e conseguir uma colocação no mercado de trabalho.

Pensando nisso, neste artigo, explicaremos como definir essas características e como melhorar a formatação do currículo.

Continue a leitura!

 

Por que a formatação do currículo é importante?

A fonte utilizada no currículo é apenas um dos elementos escolhidos durante a formatação desse tipo de documento. Assim como a cor e o tamanho da letra, a fonte utilizada influencia na legibilidade do currículo, ou seja, na facilidade de leitura do documento.

A legibilidade é importante porque facilita o trabalho dos recrutadores e ajuda a ser notado por headhunters que, normalmente, precisam avaliar centenas de documentos durante um processo seletivo.

Nesse contexto, detalhes que otimizam a análise do currículo, como uma boa formatação, ajudam o candidato a se destacar nessa fase da seleção.

Além disso, otimizar a formatação do currículo é fundamental para que o candidato passe pelos filtros de inteligência artificial utilizadas no recrutamento, independentemente da plataforma de emprego ou software de recrutamento utilizado.

Muitas empresas utilizam esse tipo de inteligência para facilitar a triagem de candidatos e otimizar o processo seletivo. Nesses casos, o próprio programa analisa as informações do currículo, buscando informações relevantes e compatíveis com a descrição da vaga.

Caso o documento apresente uma formatação sofisticada ou rebuscada, a inteligência por trás dessa ferramenta não conseguirá ler o currículo. Sendo assim, o candidato não será selecionado.

Isso reforça a importância de escolher a formatação de currículo com cuidado, sempre priorizando elementos que facilitem a leitura do texto, seja por humanos, seja por máquinas.

 

Qual fonte usar no currículo?

Existem várias fontes que podem ser utilizadas no currículo. Confira abaixo uma lista com as 6 melhores fontes para usar no currículo.

    1. Times New Roman
    2. Arial
    3. Calibri
    4. Cambria
    5. Garamond
    6. Georgia

 

6 melhores fontes para utilizar no currículo

Times New Roman

Considerada atemporal, a Times New Roman continua entre as fontes mais utilizadas em documentos formais, como currículos.

Ela continua em alta por conta do seu design rústico e elegante, que transmite seriedade e profissionalismo. Outro ponto positivo é que essa fonte é simples e fácil de ler.

Além disso, por ser um padrão do Windows, documentos digitais formatados com a Times dificilmente sofrerão mudança de configuração quando abertos em outro dispositivo.

Por esse motivo, a Times é a escolha ideal para quem prefere fontes clássicas e tradicionais.

Arial

Assim como a Times, a fonte Arial é um padrão do Windows e um clássico utilizado na formatação de documentos formais.

Apesar de ser tradicional, seu design é considerado mais moderno do que a Times. Por isso, ela também é muito utilizada em currículos.

Calibri

Assim como as fontes anteriores, a Calibri é um elemento padrão do Windows. A diferença é que a Calibri é considerada mais moderna e interessante que as demais.

Além disso, ela oferece a vantagem de proporcionar uma boa visibilidade em telas. Por esse motivo, ela pode ser utilizada na criação de currículos e documentos digitais.

Cambria

A Cambria é uma fonte que se diferencia por ter sido desenvolvida especialmente para facilitar a leitura em dispositivos digitais. Isso significa que textos formatados com Cambria são mais confortáveis de ler na tela do computador ou do smartphone.

Por conta da sua praticidade e modernidade, essa fonte é indicada para a criação de documentos que serão compartilhados no formato digital, como currículos.

Vale lembrar que, embora seu foco seja o digital, a Cambria também oferece uma boa legalidade em arquivos impressos.

Garamond

Essa é a fonte ideal para quem prefere um estilo tradicional, mas quer fugir dos clássicos Arial e Times. Isso porque a Garamond é uma fonte inspirada nos estilos tradicionais, porém, com traços mais delicados e fluidos.

Por isso, ela é uma boa opção para quem procura uma alternativa aos clássicos, mas deseja manter a elegância e seriedade do documento.

Georgia

Essa é mais uma fonte para quem quer fugir dos clássicos. Assim como a Cambria, a Georgia é uma fonte projetada especialmente para facilitar a leitura em dispositivos digitais.

A diferença é que seu design é inspirado e destaca as linhas da Times. Por isso, a Georgia é considerada uma alternativa mais moderna à Times.

 

qual fonte utilizar no currículo

Qual o tamanho da fonte usada no currículo?

Se você está preocupado entre qual fonte usar no currículo e tamanho, vale ressaltar que além de escolher a fonte do currículo com cuidado, é importante utilizar o tamanho correto do texto. Afinal, isso também influencia na leitura do documento.

Os especialistas em recrutamento recomendam que o candidato formate o currículo utilizando um tamanho de fonte entre 10 e 12 pontos.

Vale lembrar que é importante ajustar o tamanho e a distribuição dos elementos do currículo de acordo com a fonte e o tamanho escolhidos.

Caso o documento fique muito extenso ou muito pequeno, o ideal é alterar essas configurações para tornar o currículo visualmente mais atraente.

O currículo deve ter uma boa diagramação. Geralmente, as experiências são listadas de forma resumida em formato de lista com marcadores.

 

Qual a melhor cor para colocar no currículo?

As cores utilizadas no texto do currículo também influenciam na leitura do documento. Para evitar problemas e acertar na escolha, a recomendação é utilizar cores tradicionais, como preto, branco e azul.

Elas podem ser utilizadas tanto no texto quanto no design do arquivo. O preto é a cor mais indicada para o texto do currículo, já que facilita a leitura.

Já o branco é recomendado como cor de fundo, ou seja, deve ser a cor utilizada na “folha” do documento, destacando a coloração do texto.

Já o azul pode ser utilizado tanto no texto quanto em elementos decorativos ou de destaque. Essa cor transmite confiança, calma e profissionalismo. Por isso, ela é indicada para destacar detalhes, e geralmente é utilizada para hiperlinks. Um exemplo da aplicação do azul é para demonstrar o direcionamento do link para o perfil de LinkedIn.

Vale lembrar que as cores do currículo podem variar de acordo com a área de atuação do candidato. No entanto, se o profissional não sabe quais cores escolher e não quer cometer um erro, é melhor optar pelos tradicionais preto e branco.

 

5 dicas para acertar a formatação do currículo

Não basta saber qual fonte utilizar no currículo. Além da cor e do tamanho da letra, é importante cuidar de outros detalhes para acertar na formatação do documento.

Confira abaixo 5 dicas para melhorar a formatação do currículo.

    1. Utilize apenas fontes padrão
    2. Cuidado com a criatividade
    3. Seja simples e objetivo
    4. Evite colocar foto no currículo
    5. Otimize seu currículo com ajuda de especialistas

 

Dicas para melhorar o seu currículo

1- Utilize apenas fontes padrão

Na tentativa de criar um currículo diferente, muitos candidatos cometem erro ao definir qual fonte utilizar no currículo, pois obtem fontes diferenciadas na internet.

No entanto, arquivos criados com fontes externas, ou seja, que não sejam padrão Windows, podem perder a formatação quando abertos em outros dispositivos.

Ou seja, ao abrir esse currículo no seu computador, o recrutador poderá encontrar um arquivo totalmente desfigurado, o que aumenta as chances do candidato ser desconsiderado.

Além disso, softwares de recrutamento e seleção nem sempre conseguem reconhecer essas fontes externas. Por esse motivo, o currículo do candidato também será desclassificado, uma vez que não será analisado corretamente.

Para evitar esses problemas, o ideal é optar por fontes padrão Windows, como as listadas anteriormente.

2- Cuidado com a criatividade

O currículo não é o documento ideal para que o candidato demonstre todo o seu potencial criativo.

Embora seja possível alterar alguns elementos, como cores, fontes e design do documento, o ideal é manter as configurações tradicionais do currículo. Afinal, isso facilita a leitura do documento e a análise do recrutador.

Caso o candidato seja um profissional ligado a criatividade, como marketing, arquiteto, copywriter e designer, o ideal é adicionar um link do seu portfólio no currículo digital.

Isso porque o portfólio é a plataforma ideal para apresentar exemplos de trabalhos realizados e demonstrar todo o seu potencial criativo e inovador.

3- Seja simples e objetivo

Complementando a dica anterior, a recomendação é sempre optar pela simplicidade e objetividade.

Ou seja, é importante excluir qualquer elemento ou texto que possa distrair o recrutador do que realmente importa: as hard skills e soft skills do candidato.

Vale lembrar que as empresas selecionam currículos por conta do seu conteúdo, não pela estética. Por isso, o ideal é aproveitar o documento para expressar informações importantes da carreira, como transmitir as suas experiências e conquistas de forma simples e eficiente.

4- Evite colocar foto no currículo

Existem vários motivos para não colocar foto no currículo. Por isso, a recomendação é não inserir esse elemento e aproveitar o espaço do documento para adicionar informações relevantes ou melhorar a organização e diagramação dos dados.

5- Otimize seu currículo com a ajuda de especialistas

Não basta saber qual fonte utilizar no currículo. Além de uma formatação adequada, o conteúdo e a estrutura desse documento precisam destacar o candidato e aumentar suas chances de ser chamado para uma entrevista.

Em outras palavras, todos os elementos do currículo contribuem ou não para que o candidato seja selecionado e convidado para a próxima etapa do processo seletivo. Apesar disso, muita gente negligencia o valor desse documento ou não sabe como utilizá-lo a seu favor.

Uma forma simples e eficiente de resolver esses problemas e otimizar o currículo é buscar o apoio de uma consultoria de carreira especializada.

Com a ajuda de profissionais de recrutamento e seleção, é muito mais fácil e rápido melhorar o currículo. Aumente as chances de avançar no processo seletivo!

Quer ajuda para otimizar seu currículo? Entre em contato com a equipe da Sim Carreira e comece a transformar a sua carreira!

qual fonte utilizar no currículo

CEO de Empresa de Recrutamento e Seleção e Headhunter Especializado

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Política de Cookies
Utilizamos cookies em nosso site para oferecer a você a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas e ajudando a economizar dados. Ao clicar em “Aceitar Cookies”, você concorda com o uso de cookies. Mais informações podem ser encontradas na Política de Privacidade do Site.