Plano de Cargos e Salários: o que é e como montar

Plano de cargos e salários

O plano de cargos e salários é considerado um dos pilares da gestão de pessoas da empresa. Afinal, ele reúne e explica as diretrizes seguidas pela organização em relação aos postos de trabalho e a remuneração praticada pelo negócio.

Se for bem elaborado, esse plano contribui para a atração e retenção de talentos na empresa, além de estimular o engajamento, entre outros benefícios.

Mas como criar um bom plano de cargos e salários?

Para responder essa pergunta, neste artigo, explicaremos o que é, qual a importância e como montar essa política de cargos e salários na sua empresa.

 

O que é um plano de cargos e salários?

O plano de cargos e salários é uma ferramenta utilizada pelas empresas para definir e regulamentar as responsabilidades, requisitos, níveis de remuneração e progressão na carreira de cada cargo da organização.

Ou seja, ele define as funções que cada cargo deve executar e a remuneração de cada posto de trabalho. Para isso, a ferramenta é elaborada a partir de uma avaliação profunda do negócio e de uma pesquisa de mercado.

Assim, é possível criar uma política interna estruturada e transparente, alinhada com as perspectivas do mercado e até com diferenciais que ajudam a atrair e reter talentos na empresa.

 

Tópicos essenciais de um plano de cargos e salários

Para atingir sua finalidade, esse plano deve abordar pelo menos os tópicos abaixo:

    • Descrição de cargos;
    • Avaliação de cargos;
    • Política salarial;
    • Políticas de promoção e progressão na carreira.

Descrição de cargos

O documento deve descrever em detalhes as responsabilidades, requisitos de formação, experiência e habilidades necessárias para cada cargo na hierarquia da empresa.

Avaliação de cargos

O plano de cargos e salários deve definir de forma clara e objetiva qual o sistema de avaliação de funcionários utilizado pela empresa, bem como a importância e valor de cada cargo dentro da estrutura organizacional.

Política salarial

Esse plano também precisa incluir a política salarial adotada na empresa. Isso significa que ele deve definir quais faixas salariais correspondem aos diferentes níveis de cargos.

Essas remunerações devem ser baseadas em critérios objetivos, como a avaliação de cargos e as práticas de mercado.

Políticas de promoção e progressão na carreira

Por fim, o plano deve definir regras que orientem como os funcionários podem avançar em suas carreiras, seja por meio de promoções, aumento de salário baseado em mérito, ou outras formas de progressão na empresa.

 

Qual a importância do plano de cargos e salários?

O plano de cargos e salários pode ser considerado um pilar essencial para a manutenção e crescimento da empresa. Isso porque ela é uma ferramenta estratégica que contribui para a gestão eficaz de recursos humanos e financeiros da organização.

Por esse motivo, o investimento realizado na criação e manutenção desse plano está associado às seguintes vantagens:

Vantagens de ter um plano de cargos e salários estruturado

      • Otimiza processos de recrutamento e seleção;
      • Promove a equidade salarial e o pagamento justo de remunerações;
      • Facilita o planejamento financeiro do negócio;
      • Aumenta a transparência das ações e condutas da empresa;
      • Fortalece o employer branding (marca empregadora) do negócio;
      • Favorece a atração e retenção de talentos;
      • Ajuda a reduzir a rotatividade de trabalhadores, uma vez que entendem a trilha de carreira e se sentem atraídos pelas oportunidades oferecidas pela empresa;
      • Estimula o engajamento e produtividade dos funcionários;
      • Aumenta a motivação e a satisfação dos colaboradores;
      • Incentiva o crescimento profissional dos funcionários;
      • Facilita a sucessão dos cargos na empresa.

 

Quem pode fazer o plano de cargos e salários?

A elaboração, execução e revisão do plano de cargos e salários normalmente são responsabilidades do setor de Recursos Humanos (RH). No entanto, esse processo geralmente envolve a contribuição de outros setores, como o departamento financeiro.

Além disso, gestores e líderes também podem influenciar na criação desse plano. Vale lembrar que as empresas também podem contratar consultores externos para obter uma orientação especializada e direcionar esse processo de criação de forma mais rápida e eficiente.

 

Como montar um plano de cargos e salários?

O processo de criação de um plano de cargos e salários tem várias etapas, que variam de acordo com a metodologia utilizada pela empresa. Em geral, esse plano pode ser elaborado com 6 passos simples.

plano de cargos e salários

Confira abaixo o passo a passo abaixo que pode ser usado na sua empresa.

 

Etapas para construção do plano de cargos e salários

1- Identifique os cargos existentes na empresa

O primeiro passo para criar esse plano de cargos e salários na empresa é listar todos os cargos existentes na organização. Isso deve ser feito com o apoio de gestores e líderes, que devem fornecer informações sobre a quantidade e os tipos de posições de cada departamento da empresa.

Caso a organização já tenha um organograma completo da sua hierarquia, também é necessário consultar esse documento.

Dessa forma, será possível coletar dados detalhados sobre as características de cada cargo, incluindo suas responsabilidades, requisitos de formação, habilidades necessárias e nível de complexidade.

2- Faça a avaliação de cargos

O próximo passo é definir o grau de relevância e o valor de cada cargo na organização. Dessa forma, eles podem ser organizados em uma hierarquia, que será utilizada como base para a criação da política salarial da empresa.

Para definir o valor dos postos de trabalho, a empresa deve utilizar alguma metodologia de avaliação de cargos, como o método de pontos, de escalonamento, entre outros.

3- Faça uma pesquisa salarial

Após entender os cargos e definir uma hierarquia de relevância, o próximo passo é fazer uma pesquisa salarial. O objetivo é entender as remunerações e benefícios praticados no mercado em relação aos postos de trabalho da empresa.

Esse é um método eficiente para medir o grau de competitividade dos salários pagos pela organização e compará-lo à concorrência.

Para isso, é importante avaliar a política salarial dos concorrentes diretos da empresa, a região de atuação, o porte da organização e os pisos salariais de cada categoria.

4- Crie uma estrutura salarial

Os dados levantados anteriormente e o planejamento financeiro da empresa devem fornecer as informações necessárias para criar a estrutura salarial da empresa.

Essa estrutura deve organizar informações como faixa salarial, responsabilidades, bem como hard skills e soft skills exigidas para cada cargo.

Além desses dados, essa estrutura deve estabelecer os critérios necessários para que o colaborador cresça na empresa, receba benefícios ou seja promovido.

Esses critérios normalmente estão associados a avaliações de desempenho, cujas regras e metodologias também devem ser explicadas.

Em outras palavras, essa estrutura se refere à política salarial da empresa e exige a criação de uma política de progressão salarial e do plano de carreira dos funcionários.

5- Revise e valide o plano

As decisões e estratégias definidas anteriormente devem ser compartilhadas com a liderança da empresa e com o setor financeiro para que sejam validadas.

Caso seja necessário, o plano deve ser reajustado nessa etapa até que seja validado e possa ser implementado.

6- Documente e divulgue o plano para os funcionários

Após ser validado, o plano deve ser transformado em um documento oficial e disponibilizado para consulta.

É importante utilizar os canais de comunicação da empresa. Divulgue o documento, informando os funcionários sobre as novas diretrizes da empresa.

 

Crie seu plano com a ajuda dos especialistas!

A forma mais fácil de criar um plano de cargos e salários é buscar o apoio de consultores externos e pessoas especializadas na área de RH.

Além de conhecimento teórico e prático nesse tipo de projeto, esses profissionais se diferenciam por fornecer insights do ponto de vista de alguém que não pertence à organização e está acostumado a trabalhar com esse tema.

Isso ajuda a empresa a ter mais clareza e ser mais detalhista durante o processo de criação do plano. Assim, os resultados alcançados serão bem melhores.

Precisa de ajuda para criar o plano de cargos e salários da sua empresa? Entre em contato com a equipe da Sim Carreira e conheça nossos serviços!

Você também vai gostar de ler:

plano de cargos e salários

CEO de Empresa de Recrutamento e Seleção e Headhunter Especializado

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Política de Cookies
Utilizamos cookies em nosso site para oferecer a você a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas e ajudando a economizar dados. Ao clicar em “Aceitar Cookies”, você concorda com o uso de cookies. Mais informações podem ser encontradas na Política de Privacidade do Site.