EnglishPortugueseSpanish
EnglishPortugueseSpanish

6 Dicas de Como Receber Feedback

É importante perceber o feedback como uma grande oportunidade de crescimento pessoal e profissional, pois, caso compreendido e, em seguida, aplicado da forma correta, é capaz de contribuir significativamente para o desenvolvimento de qualquer indivíduo. Confira as 5 dicas sobre como receber feedback e transformá-lo em uma fonte de autoconhecimento rumo à sua evolução profissional.
como receber feedback

Quem nunca prendeu a respiração quando o gestor chamou para conversar sobre o desempenho no trabalho? A ansiedade, a insegurança e o medo de não corresponder às expectativas da empresa passam pelos pensamentos em uma fração de segundos, e a dúvida de como receber feedback e utilizá-lo a seu favor vai aparecer sempre que essa ferramenta for utilizada.

É importante perceber o feedback como uma grande oportunidade de crescimento pessoal e profissional, pois, caso compreendido e, em seguida, aplicado da forma correta, é capaz de contribuir significativamente para o desenvolvimento de qualquer indivíduo.

Pensando nisso, vamos dar algumas dicas sobre como receber feedback e transformá-lo em uma fonte de autoconhecimento rumo à sua evolução profissional. Não perca a leitura!

 

A importância do feedback

 É fundamental para o desenvolvimento pessoal e profissional saber como determinada atividade ou atitudes refletem positiva ou negativamente aos olhos de quem acompanha o processo, por isso, o feedback é uma espécie de termômetro de carreira.

Muitas pessoas têm medo de receberem essas avaliações por acharem que apenas os pontos de melhoria serão citados. No entanto, ao contrário do senso comum, um bom gestor deve pontuar primeiramente todas as evoluções que o colaborador mostrou durante o período de avaliação e, depois de ressaltar os pontos positivos, sinalizar os aspectos que precisam de maior atenção e encontrar juntos os melhores caminhos para o desenvolvimento.

Portanto, o feedback é um método capaz de aprimorar talentos e empresas ao mesmo tempo, pois cada passo positivo de um funcionário significa uma conquista individual, do time e da organização, lembrando que o feedback deve estar sempre baseado em informações e dados colhidos por um determinado tempo, sendo imprescindível a citação de exemplos concretos e específicos. Um feedback bem feito é um presente, pois é uma conversa que demonstra as fortalezas e oportunidades de melhoria do candidato na percepção da liderança ou da equipe.

O intuito do feedback é apoiar no desenvolvimento e ajudar o profissional a melhorar sua eficiência e produtividade. Entretanto, infelizmente, muitos indivíduos ficam na defensiva ao receber feedback, colocando barreiras e levando as considerações para um lado emotivo, o que pode gerar interferência e atrapalhar em um melhor entendimento dessa oportunidade.

 

Dicas de como receber feedback

 Mesmo não sendo uma situação muito confortável para alguns profissionais, é importante estar preparado para assimilar o feedback da maneira correta, com serenidade, e tirar proveito dessa oportunidade. Confira abaixo algumas dicas a seguir sobre como receber feedback.

 

1. Entenda o significado e utilidade da ferramenta

 O feedback é uma ferramenta baseada em dados, fatos e resultados apresentados, que contribui para a evolução profissional. Portanto, ao ser convidado para participar de uma reunião com esse intuito, entenda que houve um estudo prévio para que tais observações sejam apresentadas. Saiba qual metodologia utilizarão para realizar a sua revisão de performance, os critérios a serem avaliados e como isso impactará o seu posicionamento na empresa.

Essa é uma grande oportunidade de saber como seus conhecimentos, habilidades e atitudes estão repercutindo no ambiente corporativo.

 

2. Faça uma autoanalise antes da sessão

 Antes de ir para conversa com seu gestor, faça seu dever de casa. É importante que você tenha conhecimento dos critérios que serão utilizados para sua avaliação e o período sobre o qual vocês irão conversar. Ainda, é imprescindível que você faça uma reflexão individual sincera sobre o seu desempenho e performance, sempre tendo como base exemplos específicos para corroborar com seus pensamentos e argumentos.

Reconhecer oportunidades de melhoria e trabalhar para superá-las não é demérito, mas demonstra maturidade e conhecimento. Mesmo porque, caso não tenha nada a melhorar ou a desenvolver dentro de sua função e escopo atuais, pode ser o momento de pleitear uma promoção ou ampliar o escopo para obter novos desafios e maiores aprendizados, razão pela qual essa autorreflexão corriqueira também é importante independentemente do agendamento prévio de feedbacks pelo gestor.

 

3. Esteja receptivo

 Entenda que essa devolutiva, além de necessária, é fundamental para o seu desenvolvimento. A partir dessas observações, como colaborador, você passa a entender com maior cuidado as percepções dos outros em relação a você e seu trabalho, incluindo suas atitudes e no seu relacionamento com pares, líderes e outras áreas. Ficar “na defensiva” pode prejudicar a absorção do que está sendo falado e retardar o seu desenvolvimento.

 

4. Aprenda a lidar com as informações

 Alguns líderes infelizmente podem não estar preparados para dar feedback. Portanto, se algo for apresentado na opinião pessoal do emissor da avaliação, é importante que sejam solicitados exemplos específicos, de forma calma e respeitosa, para que os comentários sejam compreendidos de maneira mais concreta, efetivamente possibilitando seu desenvolvimento contínuo.

Investir na inteligência emocional pode oferecer ótimos resultados para essas  e outras questões e preparar o indivíduo para as adversidades no mundo dos negócios.

 

5. Explore este momento

 Mesmo que o nervosismo insista em permanecer, tentar esquecê-lo e focar no que está sendo falado pelo gestor é necessário para a efetividade da avaliação.  Compreender as observações e não ter medo de perguntar, caso as dúvidas apareçam, são atitudes que mostram interesse do avaliado naquilo que está sendo dito, vislumbrando seu no aprimoramento no ambiente de trabalho.

Por isso, pedir exemplos concretos, solicitar dados e situações que tenham gerado tal avaliação mostram maturidade por parte do avaliado.

Neste momento, há de se ter atenção, pois esses questionamentos não devem ser utilizados como “armas” para o profissional ficar se justificando, mas como forma de entendimento sobre qual atitude deveria ter sido tomada de acordo com o gestor e as expectativas da organização.

Quanto mais à vontade o profissional estiver em analisar todos os pontos junto com o gestor, mais fácil será traçar estratégias de desenvolvimento.

 

6. Comprometa-se

 A partir do momento que todos os pontos foram apresentados (positivos e de melhoria), é hora de anotar o que precisa ser feito para o desenvolvimento da carreira e firmar um compromisso.

Realizar as mudanças necessárias faz parte de um processo incrível de crescimento e, por isso, é tão importante montar um plano de ação e segui-lo. Afinal, o protagonismo na carreira é essencial para o sucesso de qualquer profissional e o sucesso da sua depende de você.

 

Considerações finais de como receber feedback

Neste conteúdo, observamos a importância do feedback na vida dos profissionais. De acordo com suas contribuições e potencial de crescimento, é um momento oportuno para entender a percepção dos outros em relação a você e seu, assim como sobre seu posicionamento dentro da empresa.

Estar aberto a esses apontamentos pode ajudar a direcionar com maior qualidade e assertividade a sua carreira dentro e fora da organização. No final das contas, o principal responsável por colocar em prática o combinado e o maior interessado em evoluir é o próprio profissional que está recebendo o feedback.

Muito é falado sobre como a liderança deve dar feedback, mas colocar em prática as dicas de como receber feedback são essenciais para um melhor entendimento e aplicação do plano de ação estabelecido para o desenvolvimento contínuo do profissional.

Por isso, caso seja convocado para uma reunião de feedback, encare como um presente e receba essas informações com os ouvidos e a mente aberta, utilizando-as a seu favor. Lembre-se que o bom gestor é justamente aquele que fornece ao colaborador um feedback objetivo e atento, e, para tanto, é necessário despender tempo na avaliação prévia e na comunicação com o profissional. Portanto, se feito de forma correta, o feedback é uma ferramenta de gestão que demonstra cuidado e zelo do gestor para com seus colaboradores, que devem valorizar esses momentos de aprendizado.

 

Quer mais conteúdo sobre esse e muitos outros assuntos para auxiliar na evolução da sua carreira? Siga nossas redes sociais (Facebook, Instagram, LinkedIn, YouTube) e não perca nenhuma novidade!

Precisa de ajuda?