Tipos de Entrevistas: preparado para essa etapa?

Tipos de Entrevista

Você sabe quais tipos de entrevistas podem ocorrer em seu processo seletivo? Estar preparado para participar de processos seletivos e conquistar a tão desejada oportunidade é motivo de empenho para muitos candidatos.

Por isso, saber e conhecer os tipos de entrevistas que existem atualmente, para não ser pego de surpresa em cada uma delas, é uma estratégia certeira, além de ajudar a aumentar sua empregabilidade.

Com a alta competitividade, a equipe de RH precisa estabelecer estratégias para que as entrevistas sejam certeiras e auxiliem de forma eficiente na escolha do profissional mais adequado ao perfil da vaga.

Para que você entenda melhor sobre o assunto, neste artigo vamos apresentar os principais tipos de entrevistas e a importância de cada uma delas, tanto para os recrutadores quanto para os candidatos. Confira!

 

Tipos de entrevistas

A equipe de recrutamento costuma definir o tipo de entrevista que será utilizada de acordo com alguns pontos importantes, como: a cultura organizacional e as necessidades do cargo.

Com isso, torna-se mais fácil estabelecer qual será o formato, o meio, o conteúdo e a estruturação da equipe que vai entrevistar, a fim de colher o máximo de informações possíveis e construir uma base importante que vai auxiliar na decisão da escolha do candidato ideal.

Pensando nisso, vamos separar os tipos de entrevistas para que o entendimento seja mais claro e objetivo. Ao pensarmos nos tipos de entrevistas e destrincharmos cada tipo de entrevista, é importante pensarmos em 4 elementos principais:

  1. Formato da Entrevista
  2. Meio da Entrevista
  3. Quantidade de Entrevistados
  4. Quantidade de Entrevistadores.

 

Formatos de entrevista

Quando avaliamos o tipo de entrevista, um dos critérios a ser considerado é o formato da entrevista. Como o próprio nome diz: é a forma que o entrevistador vai utilizar para conduzir a entrevista.

Ela pode ter 3 formas, conforme veremos a seguir.

 

Entrevista estruturada

A entrevista estruturada é um modelo com um roteiro pré-definido, onde todos os candidatos irão responder às mesmas perguntas.

A entrevista estruturada tem a objetividade como sua principal característica e, geralmente, é utilizada em processo com índice elevado de candidatos, ou até mesmo na fase de triagem do processo seletivo, a fim de realizar uma filtragem superficial, de acordo com o perfil desejado. Isso porque, facilita uma base comparativa considerando que os candidatos são apresentados exatamente as mesmas perguntas.

A maior desvantagem desse formato em relação aos demais é que, por ser previamente estruturado, não há possibilidade de se aprofundar em assuntos específicos com o candidato, inviabilizando um conhecimento maior do perfil.

 

Entrevista não-estruturada

Esse formato de entrevista não estruturada deixa sob a responsabilidade do recrutador a condução da entrevista, deixando a conversa fluir, em forma de bate-papo, sem deixar de perguntar e esclarecer questões importantes para identificar se o candidato é ou não compatível com a vaga.

Como não existe um roteiro de perguntas pré-definido, cabe ao recrutador definir e se aprofundar nos temas que achar relevantes, como: formação acadêmica, objetivos, experiências, plano de carreira etc.

O mais importante nesse modelo é que o candidato se sinta à vontade para se expressar. Por isso, é importante que o recrutador tenha um perfil mais acolhedor e confiável, para que não atrapalhe o processo e consiga captar as mensagens subliminares com imparcialidade.

 

Entrevista semiestruturada

A entrevista semiestruturada é a mais utilizada em processos seletivos, pois ela é uma mesclagem entre a estruturada e a não-estruturada.

Além das perguntas pré-definidas, há uma lacuna para que o entrevistador se aprofunde na questão abordada ou inclua um novo assunto na entrevista, mudando o roteiro sempre que achar conveniente.

A entrevista semiestruturada oferece ao recrutador e ao candidato a flexibilidade de terem uma conversa, sem que as principais questões envolvendo a vaga sejam ignoradas ou esquecidas.

 

Meios de entrevistas

Quando consideramos o tipo de entrevista, também é importante ter em mente os meios utilizados para realizar a entrevista.

 

Entrevista por Telefone

Entrevista por telefone é um recurso muito utilizado para um processo de triagem e, geralmente, é a primeira entrevista que o RH tem com o candidato, buscando informações básicas, ou até mesmo para testar alguma habilidade específica, como a proficiência em algum idioma.

É fundamental que o candidato também esteja preparado para atender uma ligação da empresa, pois, por ser o primeiro contato, é necessário saber como se comunicar e se comportar durante a conversa, para que não haja ruído no diálogo ou impressões equivocadas.

 

Vídeo Entrevista

As vídeo entrevistas geralmente são realizadas na etapa inicial, de triagem. A equipe de RH envia ao candidato algumas perguntas que devem ser respondidas através de um vídeo previamente gravado pelo candidato, além das orientações com relação ao tempo mínimo e máximo do vídeo e a forma de envio para que o candidato realize a gravação, envie ao time de RH para participar do processo seletivo e ser avaliado pela equipe de recrutamento para avançar para uma próxima etapa.

 

Entrevista por Videoconferência (entrevista online)

As entrevistas por videoconferência ou entrevistas por videocall são realizadas online em tempo real. Essas entrevistas online podem ser realizadas por diversas plataformas, como por exemplo, google meeting, zoom, Microsoft teams, ou até mesmo pelo whatsapp vídeo.

Com o avanço da tecnologia e a pandemia de Covid-19, a entrevista por videoconferência foi o recurso mais utilizado nos processos seletivos e é uma tendência.

Muitos profissionais conquistaram a tão sonhada vaga com processos realizados à distância, e a videoconferência é fundamental para agilizar o processo seletivo.

Esse recurso também é utilizado quando a equipe de RH fica distante do local onde a vaga será preenchida e, obviamente, longe dos candidatos, poupando custos de ambas as partes.

 

Entrevista de Campo

Por demandar mais tempo e recurso, a entrevista de campo é pouco utilizada pelas empresas em nosso país, porém é um ótimo recurso quando se deseja ocupar vagas de estágio ou de trainee.

Nesse meio de entrevista, o RH estabelece programas, participa de conferências e vai até às universidades em busca de estudantes que se destacam em sua graduação, recrutando e entrevistando os perfis mais aderentes à cultura da empresa e contratando os melhores candidatos.

A entrevista de campo é uma excelente oportunidade para as empresas se destacarem no mercado, terem uma boa visibilidade, elevarem sua marca empregadora, além de aumentarem seu capital intelectual frente à concorrência.

 

tipos de entrevistas

Entrevista Presencial

As entrevistas presenciais no início do processo seletivo tem sido cada vez menos comum, sendo substituído pelas entrevistas por videoconferência (entrevista online).

Ainda, a entrevista presencial é parte importante do processo e continua sendo o tipo de entrevista preferencial para as últimas etapas do processo seletivo, pois é uma forma do candidato conhecer melhor o local e ambiente de trabalho da empresa.

Geralmente, quando o candidato chega nessa etapa, a ansiedade e o nervosismo aumentam, pois é a hora de ficar frente a frente com o RH e isso demanda autoconfiança, conhecimento sobre a empresa e sobre a vaga e inteligência emocional para se sentir seguro e passar segurança aos entrevistadores.

 

Quantidade de entrevistados

Ao entender o tipo de entrevista, também é importante ter em mente quantos profissionais serão entrevistados simultaneamente.

 

Entrevista individual

O tipo de entrevista mais comum, considerando a quantidade de entrevistados, é a entrevista individual.

Como o próprio nome diz, é quando o entrevistador realiza a entrevista com um candidato por vez, a fim de buscar o máximo de informações possível e tentar definir qual é o candidato ideal para a vaga.

 

Entrevista em grupo (dinâmica de grupo)

A entrevista em grupo, ou dinâmica de grupo é uma etapa em que diversos candidatos são entrevistados simultaneamente.

A entrevista em grupo normalmente faz parte da etapa de triagem de candidatos, e é mais comum para cargos de início de carreira.

 

Quantidade de entrevistadores

A quantidade de entrevistadores também faz a diferença no processo seletivo e o tipo de entrevista também pode ser influenciado pela quantidade de entrevistadores presente.

 

Entrevista com um entrevistador

A entrevista com um entrevistador é a mais comum. É quando somente uma pessoa realiza a entrevista com o candidato, podendo ser um representante do RH, o gestor da equipe responsável pela vaga ou até mesmo o supervisor da área, gerente ou diretor da empresa, que tem a missão de decidir qual é o candidato ideal para exercer a função.

 

Entrevista com uma equipe de entrevistadores (entrevista-painel)

A entrevista com uma equipe de entrevistadores é quando mais de um entrevistador está presente.

Também chamada de entrevista-painel é quando há uma banca de entrevistadores que tem a missão de juntos, entrevistarem os candidatos.

Essa equipe de entrevistadores pode ser composta por mais de um membro do time de RH, pelo RH e o gestor da vaga, ou por um painel de profissionais, incluindo diversos diretores de áreas distintas.

Geralmente esse formato é utilizado na composição de vagas estratégicas ou de alto poder hierárquico, como cargos executivos de gerentes, diretores, cargos de C-level.

 

Conteúdo de entrevistas

Agora que você conheceu os principais formatos, meios de entrevista, quantidade de participantes e entrevistadores em um tipo de entrevista, é importante saber quais são os objetivos de cada uma conforme o seu conteúdo.

A seguir veremos os tipos de entrevista de acordo com o conteúdo e objetivos da entrevista.

 

Entrevista técnica

A entrevista técnica é aquela que avalia os conhecimentos técnicos e específicos dos candidatos, de acordo com o cargo.

Além da entrevista, podem ser aplicados testes e provas para testar os conhecimentos e os níveis de habilidade. O grande foco da entrevista técnica são os hard skills.

 

Entrevista comportamental ou entrevista por competências

Com as empresas investindo cada vez mais na qualificação e desenvolvimento dos profissionais, o foco passa a ser na personalidade e nas habilidades comportamentais do candidato, pois é comprovado que as empresas em que os profissionais são compatíveis com a cultura interna têm menos incidência de custos com o turnover.

Na seleção por competências são analisados os seguintes aspectos:

  • relacionamento;
  • adaptabilidade;
  • flexibilidade;
  • comunicação interpessoal;
  • liderança;
  • trabalho em equipe.

Ademais, o candidato é questionado sobre determinados desafios, suas ações e suas conquistas. Geralmente, é avaliado os soft skills ou realskills do indivíduo, incluindo sua capacidade de autoconhecimento e aprendizado contínuo.

 

Entrevista situacional

A entrevista situacional é focada em exemplos hipotéticos para avaliar como o candidato reagiria em determinada situação. As perguntas são moldadas no contexto de: “O que você faria se… e por quê?”.

Esse tipo de entrevista é menos utilizado, pois a grande maioria dos entrevistadores preferem se apegar a exemplos concretos e tangíveis, realizando perguntas com conteúdo de entrevista comportamental e técnica.

 

Entrevista com estudo de caso

A entrevista por estudo de caso tem o objetivo de avaliar a capacidade do candidato para analisar e resolver problemas.

É solicitado ao candidato que faça uma análise de um caso, com um determinado problema ou desafio, que pode ser real da empresa ou um caso hipotético, e apresente uma solução lógica e estratégica.

O profissional deve se atentar as orientações da empresa, mas geralmente é feita uma apresentação a um painel de entrevistadores, que questionarão o material ao final da apresentação.

 

Conclusão

A entrevista é uma etapa essencial para encontrar o profissional ideal para compor uma vaga na empresa e também permite que o candidato conheça melhor a própria empresa.

Saber quais são os tipos de entrevistas existentes e todos os seus formatos é fundamental para que os profissionais de RH e os candidatos conheçam todas as possibilidades e se preparem para essa fase importante e decisiva no processo seletivo da melhor maneira possível.

Agora que você conheceu os tipos de entrevistas não perca o nosso conteúdo: “13 dicas de como conseguir recolocação no mercado” e mantenha-se atualizado sobre as inovações na área de Gestão de Pessoas.

tipos de entrevistas

CEO de Empresa de Recrutamento e Seleção e Headhunter Especializado

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Política de Cookies
Utilizamos cookies em nosso site para oferecer a você a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas e ajudando a economizar dados. Ao clicar em “Aceitar Cookies”, você concorda com o uso de cookies. Mais informações podem ser encontradas na Política de Privacidade do Site.