Como ter controle emocional no trabalho

Controle emocional no trabalho

As empresas já entenderam que contratar funcionários com as hard skills certas não é o bastante para mantê-los no time. Mais do que um bom currículo, os empregadores estão em busca de profissionais que consigam manter o controle emocional no trabalho.

Mesmo que essa não fosse uma demanda das empresas, os trabalhadores começaram a entender que aprender a gerenciar suas emoções e reações é fundamental. O controle emocional ajuda não só a manter o emprego, mas crescer na carreira e ter sucesso profissional. E mais importante: esse entendimento é essencial para cuidar da sua saúde mental.

Apesar desses benefícios, o tema ainda levanta dúvidas sobre como ter controle emocional no trabalho na prática. Neste artigo, explicaremos como construir esse controle emocional e dicas para aplicar esse controle na sua vida profissional.

 

O que é controle emocional?

O controle emocional se refere à capacidade de entender, gerenciar e regular as próprias emoções e sentimentos.

Essa capacidade envolve a habilidade de reconhecer, compreender e lidar com as emoções durante eventos intensos, sejam eles positivos ou negativos.

Tudo isso influencia na forma como a pessoa se expressa, na sua resistência ao estresse e nas suas tomadas de decisão. Por esse motivo, aqueles que desenvolvem inteligência emocional têm mais facilidade de manter esse controle.

Como resultado, essas pessoas normalmente adotam hábitos, pensamentos e comportamentos que favorecem seus relacionamentos, o sucesso no trabalho e a melhora da sua qualidade de vida.

 

Principais consequências da perda de controle emocional

Um dos motivos que estimula a curiosidade das pessoas sobre o controle emocional é que elas sabem na prática as consequências da perda desse controle.

Uma dessas consequências é a adoção de comportamentos impulsivos e reações exageradas, especialmente em situações estressantes.

Por conta das emoções intensas e reações emocionais descontroladas, a pessoa também pode se envolver em conflitos, discussões acaloradas e mal-entendidos.

O descontrole emocional também compromete a capacidade de se comunicar de forma clara, aumentando as possibilidades de conflitos.

Esses comportamentos prejudiciais podem desencadear vários problemas relacionados à baixa autoestima e ao isolamento social.

No âmbito profissional, as consequências da perda de controle emocional são ainda mais desastrosas. Afinal, pessoas que apresentam esse tipo de descontrole normalmente apresentam problemas de produtividade, engajamento e trabalho em equipe.

Além disso, pessoas que não sabem controlar suas emoções são mais propensas a se envolverem em conflitos que podem desmotivar os colegas e prejudicar o clima da empresa.

Por esse motivo, profissionais que não desenvolvem esse tipo de controle podem prejudicar sua reputação, dificultar seu acesso a promoções e até aumentar suas chances de ser demitido.

 

Qual a importância do controle emocional no ambiente de trabalho?

O ambiente de trabalho normalmente é um local que envolve muitos desafios. Mesmo se o clima e a cultura da empresa forem agradáveis, o funcionário ainda terá que lidar com pessoas, demandas, pressão, prazos, entre outras questões.

Isso significa que todos enfrentam situações estressantes no ambiente de trabalho. A melhor forma de reduzir ou evitar problemas relacionados ao estresse do dia a dia é investir no fortalecimento da sua gestão emocional.

Dessa forma, fica mais fácil lidar com conflitos de forma construtiva, se comunicar com mais eficiência e até tomar decisões complexas de forma mais racional e precisa. Isso evita conflitos, desentendimentos e outros problemas que podem colocar em risco a sua carreira.

Aprender a controlar suas emoções também te ajuda a se tornar mais resiliente e gerenciar melhor seu estresse e ansiedade no trabalho, especialmente em situações de grande pressão.

Afinal, esse controle contribui para a melhora do seu foco e concentração, tornando-o mais produtivo e capaz de enfrentar dificuldades e buscar soluções.

Assim, é possível preservar a sua saúde mental, reduzindo as chances de desenvolvimento de problemas como síndrome de Burnout e depressão.

 

Como ter controle emocional?

Se agora você entende a importância e está na dúvida de como ter controle emocional no trabalho, saiba que é um processo.

O desenvolvimento do controle emocional é um contínuo e envolve pelo menos 4 passos. Conheça cada um deles abaixo:

    1. Cultive a autoconsciência;
    2. Se afaste da situação;
    3. Identifique e questione os seus pensamentos;
    4. Melhore suas habilidades sociais.

1- Cultive a autoconsciência

O primeiro passo é cultivar a autoconsciência, ou seja, a capacidade de reconhecer e compreender as próprias emoções.

Para isso, é fundamental prestar atenção aos sinais físicos e mentais que indicam emoções e sentimentos durante uma situação estressante, como batimentos cardíacos acelerados, tensão muscular ou pensamentos negativos.

2- Se afaste da situação

Ao identificar os sinais de uma reação emocional intensa durante um evento estressante, é importante se afastar da situação mesmo que seja apenas por alguns minutos.

Isso te ajudará a se acalmar, analisar o que está acontecendo com outra perspectiva e evitar reações impulsivas.

Para acelerar esse processo, você pode realizar alguma atividade confortável e prazerosa, como assistir algum vídeo engraçado, conversar com um amigo ou simplesmente ir tomar um café.

3- Identifique e questione seus pensamentos

Após se afastar da situação estressante, tente identificar o que desencadeou as emoções intensas. Muitas vezes isso pode ser resultado de pensamentos distorcidos ou irracionais potencializados por emoções.

Questionar esses pensamentos e transformá-los em algo positivo é fundamental para melhorar a sua autoestima, autoimagem e autoeficácia.

Dessa forma, aos poucos, você se sentirá mais seguro e confiante para lidar com situações estressantes e pessoas difíceis, sem renunciar aos seus valores e crenças.

4- Melhore suas habilidades sociais

Por fim, é importante utilizar o conhecimento aprendido nos passos anteriores para desenvolver suas habilidades de comunicação, de liderança e de resolução de conflitos.

Isso será fundamental para se expressar de forma mais assertiva e praticar a escuta ativa, processos essenciais para te ajudar a gerenciar suas emoções e preservar sua saúde mental.

Em outras palavras, você deve investir no desenvolvimento da inteligência emocional. Ela é indispensável para lidar com essas habilidades sociais de forma mais confortável e efetiva.

Vale lembrar que o desenvolvimento do controle emocional não eliminará as emoções e sentimentos da sua vida. Ter esse tipo de controle não significa ser apático ou indiferente aos problemas.

Não se trata de eliminar todas as emoções. Trate de aprender a gerenciar suas emoções de maneira saudável. Isso é, aceitando os altos e baixos desse processo e que essa oscilação emocional faz parte da vida.

 

Dicas práticas para melhorar o controle emocional no trabalho

Aprender a se controlar emocionalmente pode levar tempo. O problema é que nem sempre é possível esperar pelo desenvolvimento dessa capacidade para enfrentar situações desafiadoras, especialmente no trabalho. Então como ter controle emocional no trabalho?

Para te ajudar nessas situações, selecionamos 6 dicas práticas e eficientes para evitar reações prejudiciais por descontrole emocional.

    1. Respiração profunda;
    2. Busque apoio;
    3. Inclua exercícios físicos na rotina;
    4. Aprenda com os feedbacks;
    5. Comece a dizer não;
    6. Não fuja dos desafios.

1- Respiração profunda

Quando sentir emoções intensas surgindo, faça uma pausa breve e respire profundamente algumas vezes. Isso ajuda a acalmar o sistema nervoso e a reduzir a intensidade das emoções.

Dessa forma, você se sentirá mais calmo. Assim, conseguirá reagir e pensar com clareza para lidar com os desafios do ambiente de trabalho.

2- Busque apoio

Conversar com uma pessoa de confiança pode ser útil para compartilhar o que aconteceu no trabalho e como você reagiu a isso.

Além de te ajudar a organizar seus pensamentos, desabafar vai te ajudar a gerenciar e entender suas emoções. Considere também, se consultar com um profissional habilitado.

3- Inclua exercícios físicos na rotina

Diversos estudos já comprovaram que incluir atividades físicas na rotina promove a redução de sintomas associados à ansiedade, depressão e estresse.

Além disso, os exercícios também contribuem para a melhora da autoestima, autoimagem, cognição e habilidades sociais.

Por esse motivo, a prática de exercícios te ajuda a controlar suas emoções e reações mesmo diante de situações estressantes.

Em função disso, embora não esteja relacionado diretamente ao mundo corporativo, a atividade física pode impactar seu desempenho e imagem na empresa.

4- Aprenda com os feedbacks

A cultura do feedback é essencial para a construção de um ambiente de trabalho mais saudável e para o alinhamento das equipes. Afinal, o feedback é uma oportunidade para que as pessoas melhorem algo e se desenvolvam.

Por isso, aceite o feedback de colegas e superiores de maneira construtiva, em vez de reagir defensivamente. Isso pode te ajudar a crescer profissional e pessoalmente.

5- Comece a dizer não

Não tenha medo de definir limites e dizer não quando necessário. Caso contrário, você corre o risco de se sobrecarregar com tarefas excessivas e sofrer com o estresse e frustração.

Entenda que estabelecer limites é essencial em todas as áreas, principalmente na vida profissional. Isso não te tornará um profissional irresponsável ou menos capaz. Respeitar os seus limites também demonstra seu valor e te ajuda a ser mais produtivo na gestão do seu tempo e com as suas responsabilidades.

6- Não fuja dos desafios

Esteja disposto a aprender de forma contínua com suas experiências emocionais no trabalho. Cada desafio pode ser uma oportunidade de crescimento pessoal e profissional.

Mas lembre-se de que o controle emocional no trabalho é uma habilidade que se desenvolve com o tempo. Então além de entender como ter controle emocional no trabalho, deve exercitar constantemente a sua melhoria.

Se você estiver enfrentando dificuldades significativas para controlar suas emoções no trabalho, considere buscar ajuda psicológica e uma orientação profissional.

Esses profissionais são capacitados para te ajudar a vencer os desafios do mercado corporativo e se encontrar na carreira.

 

Precisa de ajuda para transformar sua vida profissional? Entre em contato com a equipe da Sim Carreira e conheça nossos serviços!

controle emocional

CEO de Empresa de Recrutamento e Seleção e Headhunter Especializado

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Política de Cookies
Utilizamos cookies em nosso site para oferecer a você a experiência mais relevante, lembrando suas preferências e visitas repetidas e ajudando a economizar dados. Ao clicar em “Aceitar Cookies”, você concorda com o uso de cookies. Mais informações podem ser encontradas na Política de Privacidade do Site.